You are here: Entrevistas Entrevista com o Presidente da Assembleia Legislativa de Pernambuco, Deputado Estadual Guilherme Uchôa.
Sertânia, Terça-feira, 21 de Outubro de 2014

Blog de Juca de Acilon

Entrevista com o Presidente da Assembleia Legislativa de Pernambuco, Deputado Estadual Guilherme Uchôa.

Uchoa_Juca
Uchoa_Juca2
Uchoa_Juca
Uchoa_Juca2

De passagem por Sertânia nesta segunda-feira (19), localizamos o Deputado Guilherme Uchôa na Residência de Sibão, Pai de Salviano Rufino, Presidente do (PP) Partido Progressista local e Assessor do Deputado, este concedeu uma entrevista para o Blog de Juca de Acilon.

Blog de Juca de Acilon – Boa tarde Guilherme Uchoa

Guilherme Uchôa – Boa tarde

Blog de Juca de Acilon – Como o senhor avalia seu trabalho como Presidente da Assembleia Legislativa de Pernambuco?

Guilherme Uchôa – Eu acho muito positivo, inovamos e demos continuidade a muitos projetos que temos na Assembleia, como a semana cultural, com o “Fala Cidadão”. Fizemos também no dia 18 de março um passeio ciclístico na cidade de Recife que reuniu mais de duas mil bicicletas, trouxemos a comunidade para dentro da Assembleia, efetivo Municipal e Legislativo, colocando cursos de pós-graduação, e enfim nós temos um projeto onde semanalmente levamos a escola pública para conhecer o funcionamento e as dependências da Assembleia Legislativa, então eu sou uma pessoa que me considero realizando uma boa gestão, prestigiando o legislativo e a todos os companheiros Deputados.

Blog de Juca de Acilon – E o seu trabalho como Deputado Estadual, que conquistas o senhor tem para apresentar para o povo pernambucano?

Guilherme Uchôa – Bem, hoje eu sou um Deputado  que tive cem mil votos e assumi o governo do estado por 4 vezes como governador, hoje eu vejo Pernambuco como um todo, eu tive voto em todo o estado de Pernambuco, não tem uma cidade desde Fernando de Noronha em que eu não tive um voto se quer, então eu olho pro Agreste, olho pro Sertão, pra Mata Sul, Mata Norte, uma das coisas que eu estou me realizando muito mais é a área Norte Metropolitana. A Mata Norte que é esquecido por todos os governos, hoje eu vejo uma fábrica da FIAT, vidro, vejo uma Hemobrais, a saída dos presídios de Itamaracá, a BR 101 Norte concluída, um Hospital Regional em Abreu e Lima, UPA em Igarassu, vejo Pernambuco crescendo em todos os seguimentos. A Transnordestina é um compromisso do Governador Eduardo Campos em concluí-la antes de deixar seu governo, então é um Pernambuco de todos hoje, não é um Pernambuco só Regional.

Blog de Juca de Acilon – Como o senhor analisa o governo de Eduardo Campos?

Guilherme Uchôa – O povo hoje avalia em 80%, se eu pudesse votar sozinho eu avaliaria em 100%, por que é um governador jovem, trabalhador, inteligente, preparado que vem dando conta e correspondendo a confiança do povo de Pernambuco, não olha facção política, nem faz política miúda. Não persegue adversário, pelo contrário, Eduardo procura reunir, convergir, trazer as pessoas adversárias Para o seu lado, assisti uma cena interessante no Baile Municipal, Eduardo me convidou para ir ao camarote do ex- governador Jarbas Vasconcelos e chegando lá ele disse: Jarbas vamos acabar com essa inimizade? Pernambuco se constrói com cimento, ferro e cal, não é com briga, eu preciso de você e nosso Pernambuco precisa de nós dois. Então é uma pessoa de espírito grande, quando vem à Sertânia e diga a quem quer que seja, ele vêm apoiar o candidato aqui, o candidato do seu lado político, todo político têm seu lado, o político que não têm lado não merece a confiança do povo e nem o respeito dos amigos, foi por  isso que na minha época em que eu fazia política em Sertânia eu deixei de fazer política aqui,  aqui meu grupo político na época seguia Jarbas, na época em que eu tive que romper com Jarbas, e entre Sertânia e o meu grupo político eu optei em me afastar de Sertânia, isso se chama coerência, posição política, ninguém faz política por construção pessoal, mais mantive aqui minhas raízes, as minhas amizades, é por isso que eu estou aqui, estou com uma família de pessoas amigas, não deixei de ter meus votos aqui e nunca deixei de quando tenho a oportunidade, sempre vou requerer alguma coisa por Sertânia.

Blog de Juca de Acilon – Sertânia têm um filho natural que exerceu função no seu gabinete e agora ocupa um cargo de confiança da presidência da Assembleia Legislativa, que é o Bacharel Salviano Rufino. O senhor tem conseguido votações em Sertânia, que retribuição tem oferecido aquele município em forma de ação?

Guilherme Uchôa – Eu não espero nada de Sertânia que me corresponda politicamente, a questão de Salviano Rufino exercer hoje um cargo importante na minha administração, ele conquistou pela lealdade, amizade, por laços familiares e por esta razão que ele está ao meu lado, pela capacidade dele, ele é um rapaz pobre humilde. Conseguir sair daqui de Sertânia, somente eu, Deus e a família dele sabe como ele conseguiu este curso de bacharel em direito, então eu não espero nenhuma correspondência política, o que eu espero é esse relacionamento familiar, 100, 150 ou 200 votos que eu tenho em Sertânia são votos de amizades, são votos de pessoas da família dele, aqui estou na casa do pai dele, jamais pensei em ajudar Salviano pensando em ter em Sertânia algum beneficio de ordem política eleitoral

Blog de Juca de Acilon – O senhor gostaria de ver Salviano Rufino disputando as eleições em Sertânia? Ele teria seu apoio?

Guilherme Uchôa – Salviano sabe suas limitações políticas, minha política é como eu sou, se você me perguntar se eu quero ser governador de Pernambuco ou prefeito de Igarassu? Só que o povo de Igarassu não me vê como prefeito, me vê como Deputado, a pessoa pra poder fazer  um acordo político tem que perguntar ao povo se o povo quer, se o povo aceitar a gente apoia, se o povo não aceitar. Vontade em política é o que mais existe, uma vez o ex-governador, Paulo Guerra, que teve empresas  e indústrias  aqui em Sertânia,  foi um dos inovadores da política de Sertânia, Paulo Guerra com a fábrica antiga de algodão, que ainda hoje tem ai as ruínas, a turma perguntava vai ter eleição? Agora quem vai ser o senador? e o governador? Ele disse: pergunte primeiro ao povo, depois eu respondo, então se você perguntar ao povo de Sertânia se Salviano pode ser prefeito daqui, se a pesquisa disser que ele vai ser, eu estou aqui para apoiar ele e sem nenhum constrangimento, mais primeiro tem que consultar o povo pra depois eu decidir.

Blog de Juca de Acilon – O senhor vai se candidatar na sua terra natal? Ou tem fundamento a versão de que o senhor poderia estar a ocupar a vice na chapa do sucessor apoiado por Eduardo Campos?

Guilherme Uchôa – A minha terra natal é Timbaúba, não é Igarassu, Igarassu é minha filha que é candidata, muita gente pensa que eu nasci em Igarassu, quem é natural de lá é minha filha  Geovana  Uchôa. Eu só tenho dois filhos, aqui neste presente momento comigo o meu filho Guilherme Uchoa Junior, e Geovana Uchôa, ela é quem tem vocação política, ela é candidata a Prefeita de Igarassu e em Timbaúba jamais eu poderia ser candidato, eu nasci lá mais me criei em Igarassu. A questão de vice-governador e vice-prefeito esse é o tipo de cargo que ninguém é escolhido, quem escolhe é o Prefeito ou o Governador, é um cargo de confiança, e puramente cargo de confiança do Governador ou do Prefeito e eu tenho hoje essa amizade com Eduardo Campos, mais eu não tenho no meu currículo o pensamento de ser vice e nem a prefeito de lugar nenhum eu pretendo ser Deputado Estadual, tive uma votação de Deputado Federal, de dois Deputados Estaduais, mais eu optei em ficar aqui e é aqui que eu quero ficar.

Blog de Juca de Acilon – O senhor é da base do governo Eduardo Campos, mais em Sertânia o palanque do senhor é do Deputado Estadual Ângelo Ferreira ou da oposição?

Guilherme Uchôa – Eu não tenho palanque no estado, onde Eduardo subir eu subo, já estive aqui em Sertânia em algumas oportunidades com ele, inaugurando obras e anunciando obras, a minha permanência aqui e influência é zero, é a mesma coisa porque os votos que tenho aqui são votos de amizade do pessoal, não são votos políticos. Então eu venho aqui quantas vezes for necessário, eu venho com Eduardo Campos, se Eduardo Campos apoia a Prefeita Cleide, e inclusive seu esposo Ângelo Ferreira votou em mim na emenda para que eu fosse reeleito, mais isso não teve nada a mais ou nada a menos do que o reconhecimento do meu trabalho na Assembleia e a minha postura como Presidente, que não confundo a minha Presidência com a minha posição política partidária, sou líder de todos os Deputados de A a Z, inclusive da oposição, se você perguntar hoje ao Deputado Tony Gel da cidade de Caruaru em quem ele vota na Presidência da Assembleia? Ele irá lhe responder que vota em Guilherme Uchôa  e se perguntar se ele tem alguma restrição a mim ele irá lhe responder que nenhuma é zero, como se for também à oposição e perguntar a qualquer Deputado,  a mesma coisa porque eu procuro separar a minha atuação política  da minha atuação na Presidência da Assembleia Legislativa.

Blog de Juca de Acilon – Sua mensagem final para o Blog de Juca de Acilon e para toda a região do Moxotó.

Guilherme Uchôa – Nós estamos nos aproximando de uma eleição, e eu não conheço a vida de Sertânia, se Sertânia vai bem ou vai mal eu não sei, quem sabe são vocês, a oportunidade do povo de Sertânia se manifestar é agora nas eleições que vem e eu aqui não estarei, porque eu não faço política aqui, minha política é em Betânia, que aqui na região é o lugar mais próximo e deverei ampliar nesta região, mais aqui tem um Deputado Federal nato, um que foi candidato a Deputado Estadual, tem também um Deputado que já foi Prefeito desta cidade, e o povo daqui é que vai rever o que é melhor para Sertânia, e o que é melhor pra Sertânia é  melhor pra Pernambuco é melhor pra Eduardo, então se o Governador vier aqui, estarei com ele, mais talvez não venha, porque eu tive votos em todos os municípios e tenho dezoito Prefeitos em Pernambuco,  se você fizer as contas, faltando seis meses para eleição, nós contamos apenas 24 semanas, quatro em cada mês, se eu for uma semana a cada município que eu tenho prefeito.

Eu não vou dar conta de tudo, então eu estou muito acavaleiro pra dizer que não estou sabendo como vai Sertânia, mais espero que esta cidade faça a escolha certa para este município, e que esta escolha caia realmente naqueles que tenham compromisso com o município e aquele que foi eleito mesmo que não seja do palanque de Eduardo, procure  se aliar ao Governador Eduardo Campos, que só tem a ganhar o Sertão do Pernambuco e o Moxotó.

Por Blog de Juca de Acilon.

 

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

Agradecimento

Parceiros

 banner cultura terra

SEU ANÚNCIO:

PUBLIQUE EM NOSSO SITE. COLOQUE NO LIVRETO.

ao

 

Notícias em Destaque